O presidente e a vice-presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Piancó-Piranhas-Açu (CBH PPA), Sr. Procópio Lucena e a Sra. Maria de Lourdes, respectivamente, estiveram presentes neste sábado (03/06) da solenidade do DNOCS sobre a ordem de serviço para execução das obras de recuperação e modernização das barragens de Curemas e Mãe D’água. O evento contou com a participação de agentes políticos da região e do DNOCS.

“Essa recuperação e modernização foi uma luta intensa do sistema de gerenciamento dos recursos hídricos deste de 2010 e agora esperamos que os serviços sejam executados com transparência, eficiência técnica e dentro do prazo que foi estabelecido, que é de 16 meses. São obras importantes para os dois reservatórios da bacia e que vai, com certeza, aumentará a segurança dos reservatórios e servirá  de aporte para a chegada das águas do Projeto de Integração do São Francisco”, disse Procópio Lucena, presidente do CBH PPA.

Neste sábado, o presidente do comitê também teve informações da situação hídrica dos dois reservatórios. “De ontem pra hoje o reservatório de Coremas que estava com 50.025.088 m3 passou para 54,080,312 m3, ou seja, teve um aporte d’água de 4.055.224 m3 e agora possui 9,1% de sua capacidade total. Já o reservatório de Mãe D’ Água que estava com 31.885.255 m3 passeou para 32.087.998 m3, ou seja teve um aporte de 202.743 m3 e agora está 6,1% de sua capacidade total”, destacou ele.

Esse aporte do açude Curemas, de acordo com Procópio, “é suficiente pra garantir um mês de defluência com a vazão de 1,2m3\s para o rio Piancó-Piranhas, conforme se encontra hoje(03.06.17) para atender a população de 400 mil pessoas no estado da PB”, finalizou.