O presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Piancó-Piranhas-Açu, Procópio Lucena, visitou neste último sábado o trecho do rio Piranhas que compreende os municípios de São Bento/PB até Coremas/PB. Acompanharam a visita a vice-presidente, Maria de Lourdes, e o membro do CBH PPA, Josué Diniz. Durante o percurso, foram constatados dois pontos de irregularidades: a continuidade da irrigação em alguns trechos e vários pontos sujos no leito do rio.

“Apesar da fiscalização da ANA, ainda encontramos muita gente irrigando e puxando a água do rio para as propriedades através das bombas. Além disso, verificamos que a sujeira no rio é imensa, partindo de Coremas/PB, na qual encontramos muito lixo urbano acumulado, até os demais pontos do rio com a vegetação obstruindo a passagem da água. Vamos cobrar mais uma vez a limpeza e a fiscalização para que a água possa chegar até São Bento/PB”, explicou Procópio

A água que desce no leito do rio Piranhas atualmente abastece somente os município da Paraíba. Contudo, com a obstrução do rio, o município de São Bento/PB não está recebendo água nas torneiras. “O acordo é que a água possa chegar somente na paraíba, porém identificamos que chega até Pombal/PB, na captação da Cagepa, e depois segue a algumas comunidades rurais seguintes. No entanto, na captação de São Bento/PB, a água não chega. Percebemos que falta a complementação da limpeza no rio para que a água possa correr com mais fluência”, explicou o presidente.