Com o Tema: Impactos da crise hídrica no RN, O Ministério Público do Rio Grande do Norte realizou nesta segunda-feira (30), às 8hs, no auditório da FIERN, em Natal, o seminário “Os Motores do Desenvolvimento”, em parceria com Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN ) o jornal Tribuna do Norte, FIERN e Fecomercio. O Comitê da Bacia Hidrográfica do Piancó-Piranhas-Açu esteve representado no evento através do seu presidente, Procópio Lucena.

O evento contou com presença do Ministro da Integração Nacional, Governo do estado, agentes públicos e privados, especialistas na pauta do seminário e diversos segmentos da sociedade relacionados com a temática. Os temas do seminário são: a) Plano Estadual de Segurança Hídrica do RN; b) Aquaponia na região do Seridó do RN; c) Caso Coteminas: Reuso de água na atividade industrial; e, d) Estratégicas do governo federal para a segurança hídrica do RN.

“O Ministro da integração tratou basicamente do PISF – eixo Norte – canal Apodi e do Complexo Barragem de Oiticica. Ele afirmou que as águas do eixo norte do PISF chega ao RN no segundo semestre de 2018, ano que segundo o ministro, será iniciado as obras do canal do Apodi e concluído o Complexo Barragem de Oiticica”, destacou Procópio Lucena.

Ainda de acordo com o presidente do CBH PPA, “o ministro também falou sobre a Barragem de Oiticica e garantiu que não faltarão  recursos, do governo federal, além disso já temos disponível 75 milhões de emenda parlamentar de 2017 e em torno de mais 82 milhões também de emenda parlamentar pra 2018, fruto do compromisso da bancada federal na reunião pública realizada pelo movimento dos atingidos e atingidas pela construção do Complexo Barragem de Oiticica em 01 de setembro deste ano, na igreja de Barra de Santana”, finalizou ele.