Em reunião, na manhã de hoje (16), no auditório da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), os órgãos gerenciadores de recursos hídricos voltaram a discutir as ações do Estado para a recuperação da Barragem Passagem das Traíras, no município de São José do Seridó.

O encontro foi um desdobramento de uma audiência promovida pelo Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Piancó-Piranhas-Açu (CBH-PPA), no dia 31 de outubro, em Acari, e contou a presença do Presidente do Comitê, Procópio Lucena, do Ministério Público Estadual, Procuradoria Geral do Estado (PGE), Defesa Civil Estadual, prefeitos e presidentes das Câmaras de Caicó, Jardim do Seridó, Acari e São José do Seridó.

A Semarh concluiu a revisão do Termo de Referência para a contratação da empresa que vai elaborar os estudos e o projeto executivo da recuperação do reservatório e na ocasião apresentou o documento.

Os serviços a serem contratados incluem o levantamento da situação ambiental, estudos hidrológicos, estudos topográficos, levantamento das áreas danificadas, estudos de campo para qualificar a intervenção, entre outros. O estudo vai traçar um panorama e mostrar a real situação de emergência em que se encontra a barragem.

A elaboração do projeto será executada com recursos do tesouro estadual, na ordem de R$ 808 mil. O titular da Semarh frisou ainda que o Estado está pleiteando a execução das obras de intervenção no reservatório, por meio do Governo Cidadão.