A equipe do projeto de extensão “Disseminação de Tecnologias Sociais para Tratamento de Esgoto Doméstico na Zona Rural de Princesa Isabel-PB” está colecionando vitórias nos últimos dias. O grupo do Campus Princesa Isabel do Instituto Federal da Paraíba foi o campeão da II Expohab PB, Ideias para a Construção Consciente. O evento é realizado pela Companhia Estadual de Habitação Popular (Cehap).

O projeto “Fossa Ecológica Circular: Economia, tratamento local e paisagismo” foi o vencedor na categoria estudante. A autoria foi dos estudantes Laércio Rodrigues de Carvalho; Cirleide Gomes de Oliveira; Romário Carneiro Rodrigues, das profissionais Sílvia Raphaele Morais Chaves e Irmã Francinalda Sousa Lima; e dos docentes Thais Freitas de Morais, Artur Moises Gonçalves Lourenço e Rinaldo Rodopiano da Silva.

O professor Artur Gonçalves comemorou também a premiação de R$ 10 mil que servirá para fomentar as diversas iniciativas da equipe que já atendeu mais de 150 pessoas das comunidades rurais da região. Desde maio de 2017, o Núcleo atendeu 14 comunidades rurais e quilombolas, conscientizando sobre a gravidade da falta de saneamento básico e promovendo oficinas para intervenção no problema.

O Núcleo de Extensão ganhou o nome de Cactus, sigla do Centro de Assessoria Comunitária a Tecnologias de Utilidades Sociais, que desenvolve as atividades e se consolidou como parte da Rede Rizoma criada pela Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (Proexc) do IFPB. As atividades são feitas em parceria com a ONG Centro de Capacitação Agrocomunitário (CCA), e a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB), com auxílio da extensionista rural Ana Paula Medeiros.

Fórum Mundial da Água

A premiação da Expohab veio na sexta-feira, 23 de março, último dia do 8º Fórum Mundial da Água, que aconteceu em Brasília reunindo cerca de 40.000 pessoas de 70 países, entre líderes de governo e membros da ONU. O projeto do IFPB Princesa Isabel foi um dos 60 selecionados no mundo inteiro para apresentação no Mercado de Soluções do Fórum. O evento é organizado pelo Conselho Mundial da Água e o estande do IFPB foi aberto à visitação pública.