O Comitê da Bacia Hidrográfica do Piancó-Piranhas-Açu encaminhou o Ofício N° 004/2019 – DC para a Superintendente de Apoio a Gestão de Recursos Hídricos da Agência Nacional de Águas (ANA) solicitando a redução da defluência de vazão, via Sistema Curema/Mãe D’Água, para 1.500 L/s. O documento foi analisado pelo superintendente Rodrigo Flecha Ferreira Alves.

No mesmo ofício, o CBH PPA informa que, após contatos do comitê com a Caern, foi identificado que o rio Piranhas apresenta condições plenas de operação da captação de água para abastecimento público dos municípios do Rio Grande do Norte. Por esse motivo, a redução na vazão foi solicitada.

O CBH PPA comunicou, ainda, que continuará acompanhando sistematicamente as condições de operações das captações na PB e RN na perspectiva de contribuir com a gestão eficiente das águas neste trecho do rio Piancó-Piranhas.

Após análise da solicitação do documento, a ANA encaminhou a solicitação ao Dnocs e a Chesf, para que os técnicos dos dois órgãos possam cumprir a medida de redução de vazão já a partir desta sexta-feira (08). A ANA informou ainda que a PROJECTE, empresa contratada pela ANA para prestação de serviços técnicos de apoio à gestão de recursos hídricos na bacia hidrográfica do rio Piranhas-Açu, deverá acompanhar a manobra e medir a vazão defluente resultante por meio de equipamento ultrassônico.

Clique AQUI e confira o ofício do CBH PPA