Uma comitiva com membros do Comitê da Bacia Hidrográfica do rio Piancó-Piranhas-Açu – CBH PPA realizou na última quarta-feira (28/10) uma visita em trechos do rio Piranhas nos estados da Paraíba e do Rio Grande do Norte. O objetivo foi verificar o nível do rio Piranhas nas estações de captação de água para abastecimento urbano. Os trechos visitados foram nas cidades de Paulista/PB, São Bento/PB e Jardim de Piranhas/RN.

Veja o vídeo da visita

“No ponto de captação de água de Paulista para Catolé do Rocha a vazão do rio que passa lá está normal. Em São Bento o nível estava confortável para operação com vazão considerável. Já em Jardim de Piranhas, onde pela alocação deve chegar água suficiente para captação do município de Jardim, e verificamos que na barragem de nível a água já está vertendo para a jusante, ou seja, já passa água além do necessário. Por isso, identificamos que não há necessidade de aumento na vazão do açude Curemas. Constatamos tudo dentro da normalidade”, explicou Wallace Oliveira, membro do CBH PPA e diretor regional da Cagepa/PB.

Estavam presentes na visita Waldemir Azevedo, primeiro secretário do CBH PPA e Diretor de Gestão e Apoio Estratégico da AESA/PB; Wallace Oliveira, membro do CBH PPA e diretor regional da Cagepa/PB; José Erismar Gomes, coordenador da unidade São Bento da Cagepa/PB e Givanildo Ananias, chefe do escritório da Caern – Pólo Jardim de Piranhas.

“Conversamos com os operadores das captações, com os coordenadores das cidades e responsáveis pelos sistemas de abastecimento e verificamos como estavam as situações de cada localidade para que a gestão do recurso hídrico seja feito com a maior responsabilidade possível. Dessa forma, concluímos que está tudo normal no abastecimento”, finalizou Wallace.